Conselho Regional de Bibliotecários cita São Carlos como exemplo de sucesso

Escrito por em 11/05/2011

O Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBI) da Prefeitura de São Carlos foi considerado referência pelo Boletim OnLine dos Bibliotecários (BOB News), veículo de comunicação virtual criado pelo Conselho Regional dos Bibliotecários da 8ª região que está em sua 43ª edição divulgada no início deste mês. Veja matéria do Boletim OnLine no Portal da Prefeitura.

O BOB News é um informativo que tem por objetivo atualizar os bibliotecários e criar um espaço para a manifestação dos profissionais e destacar exemplos de bibliotecas bem sucedidas dentre os quais São Carlos foi citada. “Houve muito entusiasmo por parte do Conselho Regional de Bibliotecários ao conhecer o nosso trabalho aqui em São Carlos. Isso para nós é ótimo porque promove o nosso trabalho aqui nas bibliotecas de São Carlos e estimula outras cidades”, esclarece Claudete Sacomano, diretora do SIBI.

O Boletim destacou o trabalho integrado das bibliotecas municipais e  das 8 Escolas do Futuro que possuem um rico acervo e internet acessível à comunidade dos bairros. Também foi citado os cursos oferecidos a alunos e a comunidade nas Escolas do Futuro como cursos de internet e oficinas artísticas.

“A valorização das bibliotecas é resultado do reconhecimento por parte do Conselho de Bibliotecários que acompanhou o trabalho desenvolvido em São Carlos. Aqui procuramos, além de investir nas bibliotecas, contratar e capacitar bibliotecários, ou seja, profissionais especializados na área”, esclarece Lourdes Mores, secretária de Educação.

Outro ponto destacado pelo veículo de comunicação foi o tratamento técnico da informação, os procedimentos de aquisição de material bibliográfico e processamento técnico do SIBI – São Carlos que são efetuados de modo centralizado graças às Divisões de Política de Desenvolvimento de Coleções e de Tratamento Técnico da Informação.

Incentivo à Leitura – O BOB News destacou os projetos de incentivo à leitura desenvolvidos pelo SIBI. Entre os projetos citados estão Conhecendo a Biblioteca (Projeto São Carlos de Todos Nós – Fundação Pró-Memória e Secretaria Municipal de Educação) que proporciona aos estudantes dos segundos anos da rede municipal de ensino um passeio cultural pela Biblioteca Amadeu Amaral, permitindo uma viagem ao seu acervo especial, uma visita à Praça e ao Pé de Livro junto ao CRIASC, ao Espaço Braille e sua característica biblioteca, incentivando o jovem cidadão a frequentar esses espaços públicos. Também foram citados Romance… aos pedaços… e Estação Leitura que homenageia anualmente, durante o mês de outubro, um escritor da literatura brasileira, através de atividades diversificadas nas oito Escolas do Futuro, nas Bibliotecas Públicas e nas CEMEIs, tais como teatro de fantoches, horas do conto, rodas de leitura, e outras expressões artísticas, culminando na última semana com o evento no espaço da Estação Cultura, em parceria com a Fundação Pró-Memória. Já o  Barganha Book oferece um espaço para troca de livros, em um ambiente adequado, da maneira mais simples, livro por livro, revista por revista e gibi por gibi, incentivando assim o hábito da leitura através de trocas materiais e imateriais.

São Carlos é a quinta do país com mais bibliotecas

Em 2010, o Ministério da Cultura divulgou o 1º Censo Nacional das Bibliotecas Públicas Municipais. De acordo com o levantamento, São Carlos ficou em quinto lugar no ranking entre os municípios do país com a maior quantidade de bibliotecas por 100 mil habitantes (1,81).

O levantamento apontou que em São Carlos há quatro bibliotecas públicas municipais para 220 mil habitantes. A diretora do Sistema Integrado de Bibliotecas do Município de São Carlos (SIBI), Claudete Cury Sacomano, destacou que no Censo Nacional entraram apenas as bibliotecas públicas municipais Amadeu Amaral, Euclides da Cunha e Espaço Braille, além da distrital de Água Vermelha.

“No entanto, temos também oito bibliotecas nas Escolas do Futuro, que funcionam nas escolas municipais de ensino fundamental e são abertas à comunidade, quatro de apoio instaladas na Fundação Educacional São Carlos, Fundação Pró-Memória, Câmara Municipal e Fazenda Pinhal. Para completar, há um acervo temático de economia solidária”. No total, são 17 bibliotecas que integram o SIBI.

Fonte: Prefeitura Municipal de São Carlos

Marcado como

Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA