Assembleia estudantil da UFSCar delibera greve

Escrito por em 07/06/2016

Mais de 2 mil alunos de graduação e pós-graduação da UFSCar decidiram, em assembleia realizada na tarde desta segunda-feira (6) no ginásio esportivo, pela greve estudantil a partir de hoje (7) com o trancamento dos prédios de Aulas Teóricas (AT’s). A greve contesta o governo do presidente interino Michel Temer, considerado ilegítimo pelos estudantes, e reprova os planos do governo, em especial os cortes de verbas nas áreas de Educação e Saúde e a extinção do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

A exemplo da assembleia do dia 23 de maio, em que foi deliberado a paralisação das atividades com o trancamento dos AT’s, a sessão de ontem também foi considerada histórica pelo elevado número de participantes e pela mobilização dos estudantes. 

assembleia2Fotos: Letícia Longo

Durante a assembleia, os participantes deliberaram também sobre diversas pautas, que incluem desde a conjuntura nacional, como a continuação da Operação Lava Jato, notas de apoio às greves em outras universidades públicas, estímulo a um encontro nacional de universidades públicas, quanto a reivindicações e ações locais, como problemas de segurança, um abaixo-assinado de apoio aos professores e técnico-administrativos para aderirem ao movimento estudantil, a elaboração de documento esclarecendo as pautas de reivindicação, um ato de apoio a docentes na assembleia da Associação de Docentes da UFSCar (ADUFSCar), entre outras decisões.

Os estudantes montaram um comando de greve para definir as próximas ações. O principal objetivo, segundo eles, é mobilizar a comunidade universitária para permanecer no campus durante as atividades.

Atividades agendadas para hoje (7):

9h – Reunião do Comando de greve para organizar as próximas atividades – no Palquinho

9h – Aula pública: Novas formas de ação e organização política: sobre limites do modelo da representação – no AT5 com a Profa. Monica Stival (DFMC)

10h – Projeção e debate sobre o documentário: “A Constituição da Cidadania” – no Teatro de Bolso.

13h30 – Ato em frente ao Auditório Bento Prado Jr. para que a ADUFSCar some às pautas a greve do Movimento Estudantil.

14h – ADUFSCar realiza assembleia no Auditório Bento Prado.

18h – Reunião de organização: Marcha Mulheres contra Temer – no AT5

19h – Aula pública: Universidade pública: um fardo necessário com o Prof. João dos Reis – local a definir.

19h – Mesa de debates: A Cultura do Estupro – no Teatro Municipal (R. Sete de Setembro, 1735)

19h30 – Reunião do Conselho de Centros Acadêmicos (CCA) para repassar as informações do Comando de Greve e discutir formas de envolver e dialogar sobre a mobilização com os departamentos – no vão da Bco.


Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA