Garotas Suecas – Escaldante Banda

Escrito por em 10/01/2011

A precisa mescla de diferentes camadas musicais, em dez faixas de tempero e muito swing, é o que você ouve no disco dessa semana. Os nacionais Garotas Suecas em seu primeiro álbum, que foi lançado em outubro pela gravadora American Dust de São Francisco, o ESCALDANTE BANDA compõem uma obra atemporal apreciada não só por seus conterrâneos brasileiros como também, e ainda mais, pelos americanos.

É em 2005 que surge a banda paulista, que de garotas, não tem nada além da excelente tecladista Irina Bertolucci acompanhada de Guilherme Saldanha,Tomaz Paoliello, Sergio Sayeg, Fernando Freire e Antonio de Oliveira. O sexteto, que não se classifica em época musical nenhuma, tem uma sonoridade atemporal e uma calorosa mistura de influências que vai do Tropicalismo passa pelo samba, funk, soul, blues e chega no rock de garagem e tudo isso com muito sentimento. Os jovens beberam de fontes como a Jovem Guarda e os Mutantes, Tim Maia e Jorge Ben.

A capa do álbum já sugere a psicodelia do seu conteúdo. O trabalho começa com muita atitude, “Tudo Bem” é um mergulho no funk setentista, com backings femininos, metais e percussão. Em “Ela” e “Alma” nos deparamos com um belo blues-rock de características dos 60 como a progressão harmônica de 3 acordes de Jimi Hendrix e o jogo sonoro com o intercalar dos vocais e a banda.

“Mercado Roque Santeiro” é a mais diversa e autêntica das canções, apresenta elementos do samba-rock, do rock, do fusion, do funk/soul e até elementos do jazz. E até na letra os Garotas foram arrojados: “se não tem no roque, ainda não foi inventado”.“Sunday Nigth Blues” é a única faixa cantada em inglês e não perde em nada para as outras, e mesmo sendo em inglês tem muito do toque brasileiro.

Garotas antes mesmo de lançar seu primeiro álbum ganhou o prêmio Aposta MTV em 2008 e tocou no South By Southwest (um grande festival nos EUA) em 2009. Sendo citados no New York Times, Rollings Stones e ainda tocados pela rádio NPR. Agora lançado o álbum, muito dinâmico e instigante, não há quem não se apaixone por suas intensas músicas.

Sara Antonelli – Estagiária em Programação Musical
Rádio Ufscar

Marcado como

Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA