Tribeqa – Qolors

Escrito por em 01/08/2010

1271324435fullsizeO Tribeqa é a demonstração de como a melhor música nasce e se desenvolve sempre seguindo caminhos que derrubam fronteiras geográficas e barreiras culturais. O quinteto nasceu em Nantes na França em 2002, começou a divulgar o próprio groove – peculiar no circuito dos bares e das casas noturnas – e só em 2008 gravou o primeiro CD homônimo, produzido pelo flautista originário da Costa do Marfim, agora naturalizado francês, Magic Malik.

O segundo trabalho intitulado “Qolors” chegou nas lojas no último mês de abril e nos traz uma música que é a soma de vários elementos: ecos do continente africano são evocados pelo som elegante e redondo do Balafon – instrumento tradicional e pai do moderno Xilofone – tocado por Josselin Quentin; os vocais ficam por conta das cantoras convidadas Kadi Coulibaly e Mauikai e também do rapper Blake Worrell, integrante da banda Hip Hop Puppetmastaz; as vozes se misturam com o scratch e os samples do DJ Greem e com o som do quinteto que é principalmente acústico.

O resultado é uma sonoridade multicolorida e cativante, elaborada e, ao mesmo tempo, de fácil assimilação. Não é possível classificar a música do Tribeqa como Jazz ou, simplesmente, como World Music, talvez a definição que mais caiba é a de música global, ou seja, uma música de múltiplas referências onde as tradições harmônicas africanas, o groove urbano, o Jazz e o ritmos latinos se encontram e nos surpreendem faixa após faixa.

O disco abre com a bela “Rose”, primeiro single a ser lançado, homenagem à música brasileira e que inclui uma fala em Português, sem dúvida, um Jazz Hit contagiante sustentado por uma batida Funk a qual é enfatizada ainda mais na faixa “Groove band” com o scratch executado de forma maestral pelo DJ Greem.

Outros destaques do álbum são as faixas “Phatz” cantada em Espanhol, Inglês e Francês misturando melodias latinas e africanas; e “Vaudoo” rap étnico que tem a participação do cantor africano Wamian Kaid, nos vocais.

Qolors é, como já falei, uma coletânea de melodias sofisticadas, fácil de ouvir e que aconselho a todos aqueles que ainda não tiveram ocasião de se aproximar daqueles gêneros que são considerados mais intelectuais como o Jazz ou a World Music, mas acima de tudo Qolors é um disco de Música – com M maiúsculo!

Paz!

Mauro Lussi
Programador musical e DJ da
Rádio UFSCar

Lista das músicas que você ouve durante toda a semana, às 16 horas.

Segunda-feira:
1 – Rose
2 – Dr Jekyll

Terça-feira:
3 – Sands of Time ft.Blake Worrell
4 – Dienamoro ft.Kadi Coulibaly
5 – sQit #1
6 – Groove band

Quarta-feira:
7 – Sun
8 – sQit #2
9 – Phatz t.Mauikai & Kadi Coulibaly

Quinta-feira:
10 – sQit #3
11 – Ceremony
12 – Qartoon
13 – sQit #4

Sexta-feira:
14 – Vaudoo ft.Wamian Kaid
15 – sQit #5
16 – Tribu
17 – Outro

Marcado como

Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA