Brasstronaut – Mt. Chimaera

Escrito por em 23/03/2010

up-brasstroanutAssim como a Quimera, que da título ao disco – figura mítica com cabeça de leão, corpo  de cabra e cauda de serpente -, a música da banda canadense Brasstronaut é uma mistura de vários elementos que vão do indie pop ao funky progressivo, eletrônica e jazz. O resultado é um álbum de rara beleza, brilhante nos arranjos e inteligentemente sofisticado.

O sexteto existe desde 2007 e é composto por Bryan Davies nos metais, Edo Van Breemen na voz e no teclado, John Walsh no baixo e na guitarra, Brennan Saul nas percussões, Tariq Hussain na guitarra e Sam Davidson no clarinete. Depois de terem lançado, em 2008, um EP intitulado “Old World Lies”, que foi muito bem recebido pela critica, estão de volta com o primeiro CD completo. Oito faixas que nos transportam  para um universo onde as regras do rock são reinventadas e enriquecidas com sonoridades e arranjos que, como num quebra-cabeça, vão mostrando o resultado final aos poucos, quando todos os pedaços estão no lugar certo.

“Slow Knots” a faixa que abre o álbum é talvez aquela que mais captura a nossa atenção, com um som extremamente limpo e um ritmo que, como uma onda, nos arrasta e nos abandona à ressaca. Outro momento notável são as músicas “Insects”, que já esteve no EP de lançamento, e a elaborada e experimental “Six toes”.

Mt. Chimaera é um disco delicado e estimulante que se destaca no panorama Indie pela mistura de influências e referências de vários gêneros musicais misturados com sabedoria e bom gosto, demonstrando que a música pop não é necessariamente um produto descartável.

Paz!
Mauro Lussi
Programador musical e DJ da
Radio UFSCar

Marcado como

Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA