Cine SESI-SP no Mundo: A França e O Novo

Cine SESI-SP no Mundo: A França e O Novo

de 10 de agosto a 11 de outubro
Ainda no final do século XIX, a França foi o berço do cinema. Além de ser o local de invenção da tecnologia do filme, é de lá também o primeiro cineasta a criar efeitos especiais para a tela, Georges Meliés; o primeiro filme a contar uma história fantástica, Viagem à Lua; e a primeira grande distribuidora internacional de audiovisual, a Pathé. Pouco mais de cinquenta anos depois, a célebre revista parisiense Cahiers du Cinema ajudaria a consolidar a visão do diretor de cinema como um autor, formando assim uma geração de cineastas revolucionários. Até hoje, o cinema francês nunca deixou de ter importância central no mundo, tanto do ponto de vista do tamanho do mercado que atinge, quanto da sua participação na consolidação de novas tendências e o desenvolvimento artístico do meio.
mostra Cine SESI-SP no Mundo: A França e O Novo, realizada em parceria com a Embaixada da França no Brasil com apoio do Institut Français traz ao público paulista oito filmes de dois grandes momentos do cinema francês: títulos do meio do século XX, época em que surgem a Cahiers du Cinema e o movimento conhecido como a Nouvelle Vague; e outros contemporâneos, que retomam questões temáticas e formais dos grandes clássicos, mostrando a evolução da linguagem cinematográfica e da visão de mundo dos realizadores.
Compartilhar