Jovens pesquisadores apresentam 430 trabalhos na UFSCar

Escrito por em 26/10/2017

Por Gisele Bicaletto – Publicado em 26-10-2017 no portal UFSCar

Terminam nesta quinta-feira, dia 26 de outubro, o 24º Congresso de Iniciação Científica (CIC) e o 9º Congresso de Iniciação ao Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (CIDTI) da UFSCar. As atividades começaram no último dia 23 e já passaram pelos campi São Carlos, Araras, Sorocaba e Lagoa do Sino. Os eventos integram a programação da XI Jornada Científica, Tecnológica e Cultural da Instituição que acontece até 28 de outubro.

Os Congressos já são eventos consolidados na UFSCar e consistem em fóruns voltados para a divulgação e discussão dos resultados obtidos em projetos de iniciação científica, tecnológica e de inovação desenvolvidos por ex-bolsistas da Universidade, participantes dos programas institucionais de bolsa de Iniciação Científica (Pibic) e de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti), promovidos pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Durante os eventos, foram apresentados 428 trabalhos em forma de pôster e em todas as áreas do conhecimento. Além disso, foram realizadas palestras, mesas-redondas, sessão de cinema e atividade esportiva. Para Paula Lobo Costa, docente do Departamento de Educação Física e Motricidade Humana (DEFMH) da UFSCar, e uma das coordenadoras dos Congressos, o maior destaque desta edição foi a troca de experiências e saberes entre os campi. “Tivemos projetos e pesquisas realizados em determinado campus e apresentados em outros, o que representa o intercâmbio de conhecimento entre a nossa comunidade. Além disso, houve programação local em cada campus, valorizando as ações de muitos grupos”, destaca a professora.

Para João Batista Fernandes, Pró-Reitor de Pesquisa da UFSCar, o CIC e CIDTI são importantes para a divulgação dos trabalhos de pesquisa desenvolvidos por alunos e professores. “O evento também é uma oportunidade para o incremento da formação dos alunos, que poderão se tornar empreendedores no futuro, e reforça a qualidade das práticas de ensino e de pesquisa na Universidade”, acrescenta Fernandes.

Ana Raquel Ruiz Abrahão é aluna do curso de Gerontologia e sua Iniciação Científica é na área de Engenharia de Produção. Ela apresentou trabalho que trata sobre custos hospitalares indicando os fatores que acarretam altos custos nessa área. Para ela, a participação no CIC-CIDTI é uma oportunidade de conhecer outras iniciativas de pesquisa. “Aqui conhecemos projetos, de áreas diferentes, que podem estimular trabalhos interdisciplinares, como o meu”, afirma Abrahão. Outra estudante de Gerontologia, Leticia Alves de Melo, também acredita que as trocas de conhecimentos são o ponto alto do evento. A pesquisa da aluna investiga a qualidade de vida e fragilidade de idosos que são residentes em asilos ou casas de repouso.

Já Gustavo César de Oliveira, graduando do curso de Ciência de Computação, apresentou estudo para desenvolvimento de um aplicativo Android que auxilia deficientes visuais a se locomoverem nas ruas. O aplicativo tem baixo custo, principalmente se comparado com os valores dos dispositivos atuais que atendem esse público. Oliveira acredita que o evento contribui muito para os estudantes que pretendem seguir carreira na área de pesquisa.

As atividades do CIC e do CIDTI terminam hoje com a mesa-redonda “Racismo e machismo no esporte”, apresentada pela professora Maria do Carmo Souza, do Programa de Pós-Graduação Profissional em Educação (PPGPE) da UFSCar. Os convidados para debater o tema são Mônica de Paula, medalhista olímpica e ex-atleta de seleção brasileira de futebol; Marcel Tonini, do Núcleo de Estudos em História Oral da Universidade de São Paulo (USP); e Osmar Moreira de Souza Júnior, docente do DEFMH da UFSCar. A atividade tem início às 18h30 no edifício do Centro de Pesquisas em Materiais Avançados e Energia (CPqMAE), na área Norte do Campus São Carlos, próximo à Praça da Ciência. Durante o dia também haverá quatro sessões de apresentação de pôsteres e jogo de handebol em cadeiras de rodas com a equipe da UFSCar.

O cronograma completo do CIC-CIDTI pode ser acessado no site e a programação da Jornada está disponível na página do evento.

Foto: Christian Savi – CCS UFSCar


Opinião dos Leitores

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos Obrigatórios *


Rádio UFSCar

Tocando agora
TITULO
ARTISTA